Navbar
19 de junho, 2017 | Autor(a): Guilherme Aroeira

Temer processa Joesley Batista por crimes contra a honra e danos morais

Joesley se referiu à Temer como “chefe da quadrilha mais perigosa do Brasil”.

O presidente Michel Temer finalizou na manhã desta segunda-feira (19) as duas ações contra Joesley Batista, dono da JBS, que se referiu a Temer como “chefe da quadrilha mais perigosa do Brasil” em entrevista à revista Época.

Uma ação será por danos morais, onde Temer pedirá indenização financeira, e a outra uma queixa-crime de crimes contra a honra (difamação, calúnia e injúria). O presidente impetrou a ação criminal na Justiça Federal e a cível, na Justiça comum, e em seguida, embarcou em seguida para uma viagem de cinco dias para a Rússia e Noruega.

Na ação inicial, o presidente não estabeleceu um valor de indenização, o que poderá ser feito em um segundo momento, caso o juiz indique que pode especificar um montante. A intenção do presidente, caso consiga ganhar as ações na Justiça, é doar os valores referentes a uma instituição da caridade.

Presidente viajou esta segunda (19) para Rússia e Noruega.

Durante o feriado da última semana, Temer se reuniu também com o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Carlos Velloso, que irá auxilia-lo na defesa da denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deverá apresentar nos próximos dias.

Com a ausência do presidente, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), assume o comando do País.

Comentários

Publicidade

LATERAL HOME 1 - Blog do PCO

Mais recentes

Publicidade

Your Ad Here

Publicidade

LATERAL HOME 3 - Viver Brasil