24 de abril, 2017 | Autor(a): Guilherme Aroeira

Fãs e amigos se despedem do cantor Jerry Adriani

O velório do cantor Jerry Adriani, morto no último domingo (23) vítima de um câncer, foi realizado nesta segunda-feira (24) no Cemitério São Francisco Xavier, no Caju, na zona portuária do Rio de Janeiro. Jerry tinha 70 anos, e ficou internado no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio.

Fãs e amigos compareceram a cerimônia para prestar as últimas homenagens. Familiares não quiseram falar com a imprensa.  Nascido Jair Alves de Souza, Jerry Adriani nasceu em 29 de janeiro de 1947, na cidade de São Paulo. Seu primeiro disco, Italianíssimo, foi lançado em 1964. Seu segundo disco, Um Grande Amor, fez grande sucesso e ele passou a apresentar o programa Excelsior a Go Go, na extinta TV Excelsior. O cantor apresentou ainda o programa A Grande Parada, da TV Tupi, e atuou em filmes.

Entre seus últimos trabalhos, estavam a gravação do CD e DVD Acústico ao Vivo, em 2008. Alguns de seus grandes sucessos foram as músicas “Doce”, “Doce Amor”, “Querida”, “Tudo que É Bom Dura Pouco” e “Amor Querido”.

Comentários